• Janela na oficina de residência na favela Pindura Saia

  • Voltar

Documento

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ana Cecília Rocha Veiga

20/11/2019 às 10:17.

A imagem, ao mesmo tempo bela e triste, nos faz de fato refletir que para dentro dos morros e favelas de nossas metrópoles, muita coisa ainda permanece a mesma, o tempo parece que não passou. Para muita gente, a vida ainda é como antigamente. Difícil, precária.